Our response to COVID-19

Como a Regus ajuda o pessoal da BA a descolar em todo o mundo

Fundada em 1974, a British Airways é a maior transportadora aérea internacional no Reino Unido.

Em 2016, a sua faturação anual foi de 11 443 milhões de libras.

Como a Regus ajuda o pessoal da BA a descolar em todo o mundo

A transportadora tem sede no aeroporto de Heathrow, em Londres, o aeroporto internacional mais movimentado do mundo, com viagens para mais de 200 destinos em 75 países.

A fusão

Em janeiro de 2011, a British Airways fundiu-se com a Iberia, criando o International Airlines Group (IAG). O IAG é o terceiro maior grupo de transportadoras aéreas a nível mundial em termos de faturação anual, assim como o segundo maior na Europa. A empresa está cotada na Bolsa de Valores de Londres, integrando o índice FTSE 100.

Espaço de escritório com pagamento em função da utilização

A British Airways tem cerca de 45 000 colaboradores em todo o mundo, uma parte dos quais é responsável pelas vendas globais. Antigamente, as carreiras comerciais na British Airways eram desenvolvidas em espaços de escritórios convencionais, mas com o advento das novas tecnologias, tornou-se cada vez mais possível trabalhar de forma remota, sem estar preso ao escritório.

Com a passagem do tempo, a British Airways descobriu que tinha escritórios um pouco por todo o mundo, incluindo no Dubai, Singapura e Londres, que eram cada vez menos utilizados pelas suas equipas comerciais, mas pelos quais a empresa continuava a pagar elevados custos de arrendamento.

Pediram ajuda à Regus – e a Regus propôs uma solução simultaneamente prática e económica. A vantagem da Regus para a British Airways era poder fornecer espaços de trabalho flexíveis, em regime de pagamento em função da utilização, o que significa que a British Airways só pagaria o tempo de utilização dos escritórios pelas suas equipas comerciais, em vez de pagar por escritórios vazios, cada vez menos utilizados.

Além disso, e mais importante, entre todos os fornecedores de espaços de trabalho flexíveis com quem a British Airways falou, a Regus era de longe o que tinha uma maior cobertura geográfica e o mais competitivo em termos de localizações. Isso foi extremamente importante para a British Airways, uma vez que a atividade global da empresa exige espaços de trabalho flexíveis em todo o mundo. A Regus era o único operador de espaços de trabalho flexíveis que podia satisfazer estas necessidades.

A parceria revelou-se um enorme sucesso para a British Airways.

Opinião da British Airways

Amgad Shaheen, Gestor Global de Estruturas Aeroportuárias da British Airways, referiu que o modelo é muito económico e tem sido muito bem recebido na organização. Declarou que a situação atual – a Regus fornece um gestor de conta dedicado, relatórios mensais e todos os contratos de arrendamento no idioma escolhido – simplifica todo o processo e torna-o mais eficiente.

oneworld – com os olhos postos no futuro.

A oneworld é uma aliança de transportadoras aéreas fundada em 1999, da qual a British Airways é membro, juntamente com outras marcas globais como a American Airlines, Qantas e Cathay Pacific. Em outubro de 2017, a oneworld era a terceira maior aliança global em termos de passageiros, com mais de 527,9 milhões de passageiros transportados.

O sucesso da parceria entre a Regus e a British Airways tem sido tal que surgiu a possibilidade de a American Airlines adotar futuramente uma parceria semelhante, como já sucede com as associadas da British Airways, IAG e Vueling. Isso significa que o número de colaboradores que a Regus serve nestas empresas ascenderia às dezenas de milhar em todo o mundo.

Adesão

Aceda à nossa rede global de espaços de trabalho e business lounges, com a frequência que quiser.